Chuva: A Impermeabilidade das Barracas

Nessa nossa vida de campistas, acredito que todos nós temos nossas histórias que são únicas, e ao mesmo tão compartilhadas. Quando pensamos em acampar pela primeira vez, seja pra economizar em hospedagem, seja pra sentir o ambiente mais de perto, seja para satisfazer um desejo ou curiosidade; algumas questões vêm a mente. “E se chover?” certamente pode ser enquadrada em uma delas.
Quando comprei minha primeira barraca, não pesquisei muito. Era uma barraca simples para duas pessoas, apertadinha mas aconchegante, e que me serviu durante um bom tempo de estrada. Como em algumas regiões do nordeste as chuvas não são tão frequentes, usei e abusei dela sem maiores problemas. Entretanto, o desafio um dia teria que chegar: Acampar com chuva!
Eu achava que era óbvio que qualquer barraca deveria proteger de chuva, e que isso era o básico de se esperar de uma barraca ou tenda de camping. Mas não é bem assim que funciona.
Assim como o consumo de combustível é uma característica a ser observada quando você compra um veículo, a impermeabilidade é uma característica que deve ser levada em consideração ao se comprar uma barraca. Mas o que é essa tal de impermeabilidade? como ela é medida?
Podemos dizer que o tecido de sua barraca possui uma certa “resistência” a chuvas. Quando as primeiras gotas começam a cair, o tecido vai ficando molhado, e mais molhado, e cada vez mais, até o momento em que o mesmo encharca e as gotas de água começam a cair dentro de sua barraca, e acredite, isso é chato demais. Quando seu equipamento possui uma boa impermeabilidade, isso não acontece. Ele consegue “segurar” a chuva sem encharcar. Quanto mais impermeável for o tecido, mais chuva ele consegue “segurar”.
A impermeabilidade das barracas costumam ser medida calculando a pressão feita por uma coluna d’água em um tecido, até o momento em que a água começa a atravessá-lo, conforme na figura abaixo:

Coluna D'água. Foto: Blog Sob o Sol e Lua
Coluna D’água. Foto: Blog Sob o Sol e Lua

Neste exemplo anterior, esta seria uma barraca com uma impermeabilidade de 2000 mm. Trata-se de um valor ideal para suportar temporais ou chuvas fortes mais prolongadas. Para se ter ideia, os especialistas costumam nos apresentar uma tabela aproximadamente assim:
Menos de 700 mm: Evite a possibilidade de chuvas
700 mm a 1000 mm: Resistência parcial a chuvas, elas não podem ser demoradas
1000 mm a 2000 mm: Resistência para fortes chuvas, e até chuvas mais agressivas, mas não por períodos longos
Acima de 2000 mm: Sorria, você pode enfrentar chuvas e temporais por períodos mais longos.
Evidentemente essa característica é algo que varia com um tempo. Uma barraca pode ter uma impermeabilidade de 1000 mm assim que comprada, mas o uso, desgaste e a falta de manutenção podem fazer com que esses valores sejam reduzidos. Isso quer dizer que o cuidado e a preservação do seu equipamento são fundamentais para aumentar ao máximo a vida útil do mesmo. E só pra completar, o mercado já disponibiliza os Impermeabilizantes, que podem ser aplicados nos tecido do barraca e dar aquele “Upgrade” adicional.
Agora que você já conhece e está mais familiarizado, procure escolher sua barraca com base na sua intenção de uso, frequência, características climáticas da região em que você mora, e etc, mas nunca deixe de acampar, pois isso é um estilo de vida!

Deixe uma resposta